Alice in process…

Instead of the question “Who is Alice?” there are now paths leading to what Alice might come to be…

17 Sep 2011

Alice by Chris Garcia

 Chris Garcia
Chris Garcia

 Chris Garcia

Chris Garcia



These monster Alices are daring and disturbing.  The clay, the light, the texture, all compose a nightmarish experience. Why should we keep fixed in the blondie naif girl? 

"Os monstros vivem nas margens do mundo, nos portões da diferença, nas fronteiras do possível, no limiar do tornar-se."

"Uma multiplicidade explosiva de Alicinações transita hoje nos labirintos da arte e da cultura, viagens alicinadas, trânsitos labirínticos, Alices se multiplicam, perdem o nome e se transformam a cada momento. Alices que buscam um jogo que fornece elementos para a criação de uma obra de sentido aberto, que se constrói durante a relação com o outro, entre a obra, o leitor, o artista e o público. “Um livro é escrito por quem o lê.” (Mafesolli)
Adriana Peliano


Images are part of the project 'What is the Use of A Book Without Pictures?'


No comments:

Post a Comment